Diretora da Escola Municipal Francisco Mariano Braga de Rondinha Mari Angela Brancher fala ao repórter Ederval Lauer sobre o andamento do ano letivo 2021 naquele educandário

26/04/2021

Diretora da Escola Municipal Francisco Mariano Braga de Rondinha Mari Angela Brancher fala ao repórter Ederval Lauer sobre o andamento do ano letivo 2021 naquele educandário.

Quantos alunos estão matriculados na EMEB Francisco Mariano Braga e quais etapas da educação básica a escola atende?

A escola atende a Educação Infantil etapa da Pré Escola e o Ensino Fundamental Anos Iniciais e Anos finais e temos 377 alunos matriculados na escola distribuídos em 23 turmas organizadas nos turnos da manhã e da tarde.

Como as aulas estão organizadas tendo em vista que não é possível o atendimento presencial aos alunos?

Bem como todos tem acompanhado desde o ano de 2020 as aulas presencias estão suspensas devido a pandemia da Covid-19 e não só nossa escola, mas todas as escolas a nível mundial precisaram se reinventar e criar uma modalidade de ensino remoto.

Em nossa escola não está diferente. Mesmo a Educação Infantil e o Ensino Fundamental serem uma etapa da educação na qual a Educação a Distância não é a ideal é desta forma que a EMEB tem organizado o trabalho pedagógico de 2021.

Qual o horário de funcionamento da Escola?

A escola tem o seu horário de funcionamento mantido no turno da manhã das 7h30min às 11h30min e no turno da tarde das 13h10min às 17h10min.

A Equipe Diretiva, as funcionárias dos serviços gerais, da secretaria, do setor da biblioteca e as monitoras mantem seu horário de trabalho conforme sua carga horária semanal, o que tem nos ajudado a manter a escola higienizada e o material a ser entregue aos alunos impresso e organizado.

Como está organizado o horário dos professores tendo em vista que não há aulas presenciais?

Bem Ederval, obedecendo os protocolos da bandeira preta do Distanciamento Controlado do RS, os professores da EMEB mesmo com as aulas presenciais suspensas tem cumprido dois turnos presencias na escola e o restante em trabalho remoto. No turno que eles exercem sua carga horária em nossa escola ficam à disposição dos alunos e suas famílias para esclarecer dúvidas, auxiliar na realização ou nas correções das atividades, dentre outras atividades inerentes a função do magistério.

Diretora nos explique como vem sendo feito o planejamento das aulas remotas, a entrega do material para os alunos, o contato com os alunos e suas famílias?

Como falei anteriormente a escola atende duas etapas da Educação Básica: a Educação Infantil e o Ensino Fundamental e dentro do Ensino Fundamental ainda temos os Anos Iniciais e os Anos Finais. Faço essa separação por idade porque o planejamento e a forma de interação entre alunos X professores X famílias é diferente conforme a faixa etária.

Na Educação Infantil e Anos Inicias os professores organizam uma apostila que são revisadas e pela coordenação pedagógica e impressas pelas funcionárias da secretaria e monitoras e, posteriormente, entregue às famílias as quais serão respondidas pelos alunos e devolvidas na escola. As turmas tem um grupo de WhatsApp através do qual os professores fazem as interações com as famílias e os alunos, postam vídeos com explicações de conteúdo, histórias, e semanalmente os professores fazem as aulas síncronas através do google meet.

O planejamento do Anos Finais é um pouco diferente. As atividades são encaminhadas para casa a cada quinze dias. Os professores de cada componente curricular organizam as atividades de sua área, que são revisadas e impressas pela coordenação pedagógica. As famílias retiram as atividades a serem realizadas e devolvem as que foram respondidas para correção.

As turmas dos Anos Finais também tem grupos de WhatsApp através do qual os professores fazem as interações com os alunos, postam vídeos com explicações de conteúdo, fazem as aulas síncronas através do google meet.

Mesmo estando em aulas remotas a participação dos alunos é obrigatória, como é controlada a freqüência dos alunos e o que a Escola faz com os alunos que tem dificuldade ou que não participam das atividades propostas?

Realmente a frequência dos alunos é obrigatória apesar de estarmos em aulas remotas. A forma que a escola tem de fazer o controle de frequência é através da retirada das apostilas e das atividades impressas e das correção destas. O primeiro passo que demos foi fazer uma pesquisa para saber quantos alunos de nossa escola tinham acesso à internet e desses quantos podiam participar de aulas através do google meet. Com essas informações conseguimos, junto com os professores, montar um planejamento que contemple todos os alunos matriculados na escola.

Os professores dos Anos Finais fazem aulas através do google meet semanalmente e quando os alunos que tem conexão com a internetque permitem a participação não participam, a Equipe Diretiva entra em contato com os pais para saber o porquê que o aluno não participou da aula naquele momento. Já os professores dos Anos Iniciais além das aulas através do goolge Meet fazem chamadas de vídeo ou chamadas de áudio com os alunos que dificuldade tem de conexão com a internet

Quando não ocorre a retirada dos materiais a escola entra em contato com as famílias e se mesmo assim a família não vem até a escola buscar este material, pedimos ajuda aos motoristas da Secretaria da Educação ou ao Conselho Tutelar para irem até as casa das famílias fazer a entrega do material impresso e buscar as atividades resolvidas pelos alunos.

Diretora, por favor, deixe uma mensagem para as famílias e toda comunidades escolar.

É um desafio diário adaptar as aulas e o ensino presencial para o ensino remoto, e nesse sentido, a EMEB Francisco Mariano Braga têm se organizado com o objetivo de assegurar o bem estar dos alunos, professores e funcionárias.

Mais do que nunca a tarefa de educar foi tão necessária ser compartilhada. Precisamos formar uma equipe e seguir a mesma direção em relação aos objetivos que desejamos atingir, que é a aprendizagem de nossas crianças e adolescentes.

Para que as aulas remotas aconteçam temos uma rede trabalhando a qual precisamos agradecer: os professores, funcionárias da escola, a Secretaria da Educação e aos motoristas, o Conselho Tutelar e famílias, sem vocês, nada disso seria possível. Precisamos continuar unidos para minimizarmos os efeitos desta pandemia na vida escolar das nossas crianças e adolescentes. Um grande abraço a todos.

Veja mais fotos: